Carregando...

Alunos de Biomedicina do São Lucas realizam I Simpósio de Atualização em Hepatites Virais

Início Notícia

Os alunos do 7º período vespertino e noturno do curso de Biomedicina do Grupo Educacional São Lucas, apresentaram no sábado 27, o I Simpósio de Atualização em Hepatites Virais. O evento foi organizado pelos alunos com apoio da Coordenação de Biomedicina e das Professoras Carola Catalina Hurtado e Kátia Felipin.

A atividade contou com a participação de importantes nomes no cenário da pesquisa voltada para o estudo e diagnóstico das hepatites na Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ-RO), as professoras e pesquisadoras Dra Deusilene Souza Vieira, Pós Doutora em Virologia Molecular e Dra. Alcione de Oliveira Santos, doutora em Biologia Experimental.

O objetivo do evento organizado em conjunto pelas turmas de Biomedicina, foi por meio do Projeto Integrador (PI) oportunizar uma imersão no tema proposto, trazendo especialistas de renome no Estado para mostrar para os alunos o avanço na pesquisa dentro deste campo e as principais formas de prevenir a doença. Foram desenvolvidos pelos alunos, banners explicativos sobre cada uma das formas da doença e folders informativos.

Segundo a aluna Maria Letícia Gomes do 7º período de Biomedicina, a atividade se fez necessária por entenderem que os alunos precisam ter o entendimento real sobre a doença para influenciarem na prevenção.

“Grande parte dos alunos tem dúvidas específicas sobre as hepatites. O simpósio vem para trazer um conhecimento mais profundo sobre a temática, apresentando informações atualizadas”, destacou a aluna.

Para a Profa. Carola Hurtado, o simpósio funciona como uma atualização tanto para os alunos de biomedicina quanto para outros cursos e é parte importante do processo do PI.

“Este é apenas a primeira etapa deste trabalho. A segunda etapa será a execução de testes rápidos junto à comunidade, e a terceira e última será a apresentação das conclusões no PI do dia 29 de maio. Vale ressaltar que o mês de Julho é o Julho Amarelo e devido ao período de férias, decidimos antecipar a data e abordar o tema que simboliza a luta contra as hepatites”, concluiu a professora.

Vamos Conversar?