Faculdade São Lucas

PRE_TITLE_DEFAULT - TITLE_DEFAULT

NOTÍCIA

FALE CONOSCO: (69) 3211-8001

Dia do Cirurgião Dentista: Entrevista com Iracema Corrêa do Amaral Ribeiro

Publicada em 25/10/2016 por Juliana Mascarenhas

Um profissional responsável por recuperar a autoestima de seu paciente é o homenageado desta terça-feira (25) - Dia do Cirurgião Dentista. Se no passado era temido, hoje é cada vez mais desejado e valorizado, graças às novas técnicas desenvolvidas e ao aprimoramento profissional, que agora possibilitam tratar problemas antes considerados insolúveis. Entrevistamos a cirurgiã Dentista Iracema Corrêa do Amaral Ribeiro, coordenadora do Curso de Odontologia do Centro Universitário São Lucas que contou um pouco de sua trajetória profissional e o amor pela profissão.

Confira a entrevista na íntegra:

 

UNISL: Conte um pouco da sua trajetória profissional como Cirurgiã Dentista

Iracema: Realizei minha graduação em odontologia em 1979; na FONF. RJ (Faculdade de Odontologia de Nova Friburgo. RJ) faculdade situada na região serrana do Rio de Janeiro; cidade próxima à minha terra natal: Além Paraíba em Minas Gerais.

Após a graduação; por ter tido destaque como aluna; ganhei um estágio no extinto IAPS (hoje INSS) para atendimento em prontos atendimentos de algumas comunidades do Rio de Janeiro. Voltando à  minha cidade natal , atuei por 06 anos em consultório particular; sindicatos rurais em atendimento a trabalhadores rurais; e em escolas da região.

Já casada, e com minha primeira filha, viemos residir em Rondônia em 1983. Aqui recém-chegada, tive o prazer de conhecer a Dra. Eliza Aguiar da Silva, cirurgiã dentista atuante e empreendedora que me convidou para fazer parte, juntamente com outros colegas cirurgiãs, da primeira diretoria da ABO- RO composta por mulheres dentistas. Ainda pelo empreendedorismo e trabalho árduo da Dra. Eliza que montou um curso de pós-graduação, fiz especialização em Prótese Dentária no antigo CEMCA.

Fui professora da 1º turma do curso de odontologia do estado de Rondônia. Aqui, em Porto Velho, atuei por 30 anos em consultório particular; e através da SEDUC, SESAU, Prefeitura Municipal de Porto Velho; e sociedade Pestalozzi, onde atendi milhares de escolares, crianças e adultos tanto na área pública quanto privada.

Por dois mandatos, atuei também na comissão de Ética do Conselho Regional de Odontologia de Rondônia, juntamente com outros colegas. Há cerca de 20 anos presto serviços para a  Justiça Federal 1ª Instância de Rondônia.

Em 2004; iniciei no curso de Odontologia da Faculdade São Lucas como professora, participando desde sua aprovação e reconhecimento do curso.

Fiz mestrado em Prótese Dentária e outros cursos nas áreas de educação e  pedagógica pertinentes à minha área de atuação. Em 2008; em substituição a Prof.ª Eloá Gazola iniciou na coordenação do curso de odontologia da faculdade são Lucas, hoje Centro Universitário, onde ainda me encontro.

 

UNISL: Quem ou o que lhe influenciou a optar por odontologia?

Iracema: Minha influência foi o encantamento desde menina, pelo trabalho de um cirurgião dentista em minha cidade natal. Dr Rnê Gobbi, que além do bom trabalho de realizava à população da cidade; tinha um consultório bem montado para a época. Ressalto que o visual do local, o cheiro dos materiais e o trabalho realizado por ele, me fizeram sonhar e dizia a mim mesma: ‘’ um dia vou ter essa profissão’’.

 

UNISL: História que te marcou durante sua trajetória profissional.

Iracema: Nasci em uma família numerosa, sou a 10ª filha entre 11 irmãos; e para minha formação fui muito ajudada por eles, meus irmãos, tanto financeiramente, quanto pelo apoio que me deram, pois a odontologia é um dos cursos mais caros devidos aos instrumentais e materiais que se tem que adquirir ao longo do curso.. E sempre pensei, pela minha formação familiar, que eu deveria retribuir as pessoas, o que recebi de meus irmãos e desde que me formei paralelo ao meu trabalho realizava atendimentos voluntários, em igrejas, associações escolas, etc...

E foi através desse voluntariado que vivi muitas histórias ricas de superação; de amor ao próximo e da dignidade do ser humano mesmo em condições desfavoráveis.

Destaco minha atuação por 08 anos na Sociedade Pestalizzi de Porto Velho, que atende  pacientes com necessidade especiais; de um menino portador de Síndrome de Down , que em todas as manhãs de atendimento se dirigia ao consultório relatando dor (sem apresentar nenhum problema bucal ). Ao meu questionamento e interesse por esse garoto, à nossa diretora Margarida Rocha; que me relatou que o mesmo havia perdido sua avó e cuidadora de forma trágica. Este momento que ele se dirigia ao consultório seria pra ter a devida atenção que havia perdido em sua família. Naquele momento entendi que nossa profissão vai muito além do tratamento odontológico.

 

UNISL: Qual a importância da odontologia para você e para o mundo?

Iracema: Para mim a maior importância é a de realizar o que gosto; e o que faço com muito amor e dedicação, sempre buscando aprender mais e mais.

A importância para o mundo, penso que é que além de devolver á saúde, a dignidade,  autoestima a alegria  de viver feliz, às pessoas você consegue devolver e melhorar o  sorriso , sendo  este o movimento , mais bonito que o ser humano  consegue realizar.

 

UNISL: O que a odontologia proporciona na sua vida?

Iracema: Á minha vida, proporciona realização pessoal, profissional e parte da minha felicidade.

 

UNISL: Para os acadêmicos do curso de Odontologia qual conselho você daria?

Iracema: Para um futuro profissional CD; como também para meus alunos; digo que sempre deverá olhar para o seu próximo como se realmente fosse seu irmão, sendo este um dos mandamentos divinos estudar e aprender sempre; e fazer o  que melhor  puder e souber realizar; com ética ,técnica ; qualidade ; responsabilidade e muito amor. 

______________________________________________________________________

O Centro Universitário parabeniza todos os profissionais cirurgiões dentistas que dedicam o senso estético de uma artista, a destreza manual de um cirurgião, os conhecimentos científicos de um médico e a paciência de um monge. 

Copyright © 2017 | Faculdade São Lucas